26 de abril de 2012

Às vezes, um adeus é um verdadeiro Adeus. Não é um Até Já, nem um Até Qualquer Dia. É no fim de um rio que nasce o Mar.

7 comentários:

Marianne disse...

É.. Pensamos que são eternos até jás e podem sempre tornarem-se mesmo em adeus definitivos ..

sapo disse...

às vezes, só às vezes, é melhor assim... ;)

Roxanne disse...

hei! onde vais? :$

Turtle disse...

Marianne, é mesmo isso. Só que isso é o ponto de vista da outra parte...

sapo, ainda bem que é só às vezes!!

Roxanne, eu não vou a lado nenhum, podes estar descansada que ainda vou assombrar o blogger com muito conteúdo de qualidade questionável :P

Anónimo disse...

(http://www.google.com/imgres?um=1&hl=pt-PT&client=firefox-a&rls=org.mozilla:pt-PT:official&biw=1366&bih=649&tbm=isch&tbnid=dpo-3Gz562fO2M:imgrefurl=http://oheasytiger.blogspot.com/2010/09/every-exit-is-entrance-somewhere-else.html&docid=gh-cr0RdjbDWXM&imgurl=http://1.bp.blogspot.com/_N6dOg1LSOA8/TJj2i-5dBhI/AAAAAAAAA6A/N3d-Run9wro/s400/exit.jpg&w=247&h=320&ei=KfiZT47zCLSU0QWwiKSWDw&zoom=1&iact=hc&vpx=533&vpy=280&dur=937&hovh=256&hovw=197&tx=98&ty=169&sig=115772728394923875500&page=1&tbnh=150&tbnw=116&start=0&ndsp=18&ved=1t:429,r:14,s:0,i:94)

You're not going anywhere! :)

Chester*

Anónimo disse...

ERRATA: (http://oheasytiger.blogspot.pt/2010/09/every-exit-is-entrance-somewhere-else.html)
xD
Chester*

Ups disse...

Muito bem dito. Gosto muito da parte "É no fim de um rio que nasce o Mar". Estou a passar por adeus desse género e isso dá-me esperança que seja o mar que me espere :)